quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

O sonho de ser pai um dia..(cont..)..A primeira visita ao médico...

Tudo era novo para nós, ele pediu uma bateria de exames para saber se estava tudo normal. Isso gerou muita ansiedade, o que não poderia estar normal? Ele falou sobre todos os riscos de uma gravidez tardia e isso também gera muita ansiedade e insegurança e para mim não foi diferente. Passa um filme na cabeça da gente.
Ela fez todos os exames e então retornamos ao médico. Até então estava tudo normal, ufa !!!! Queríamos agora saber tudo sobre nosso bebê e seu desenvolvimento como seria...Líamos sobre o assunto, entrávamos em sites que mostram o desenvolvimento do bebê semana a semana e tudo que tínhamos acesso. 

Chegou o dia do primeiro ultrassom, a médica muito atenciosa mostrava todas as imagens e as mudanças que aconteciam, não entendíamos e nem conseguíamos ver nada..tamanho era a ansiedade...rs...quando de repente o melhor som, a melhor melodia que eu já tinha ouvido em toda minha vida..o coração do nosso bebê batia forte e acelerado, uma sementinha de tão pequeno e já tinha uma vida, um coração pulsando lá dentro..Uma sensação única na vida de um pai, o bebê já estava com um mês de vida...

Os dias foram se passando e nós vivendo cada dia, cada experiência única, a expectativa aumentando para saber o sexo do nosso bebê. No fundo tinha a certeza que seria uma menina, pois já tinha sonhado várias vezes com ela há muito tempo. Ainda assim comprávamos sempre que podíamos roupinhas de cores neutras, mas o rosa sempre saltava aos olhos... Mas seguramos um pouco mais, em breve saberíamos..

O tempo foi passando e cada dia, cada exame era uma novidade, um sentimento diferente, chegava então um dos grandes momentos esperados, saberíamos o sexo do nosso bebê, em mais um exame de rotina o médico pediu o ultrassom falando que dessa vez poderíamos saber finalmente. Tudo pronto em uma manhã chuvosa e lá fomos nós. Novamente a mesma médica gentil e atenciosa da vez anterior, ela sempre comentava rindo... " ...está ansioso ainda.. " .

Começou o exame, a médica passava o aparelho para lá e para cá com um olhar de mistério...comecei a ficar intrigado com o fato. Olhou algumas imagens e falou "..não vai ser dessa vez.". o bebê está com as perninhas cruzadas..pediu que minha esposa fosse dar uma volta e tentamos de novo e nada de sabermos...só no próximo exame, indaguei se estava tudo bem e ela afirmou que sim, que poderíamos ficar tranquilos e isso era o que realmente importava.. 

A barriga já começava a aparecer e eu dava todo o meu carinho e cuidado para minha esposa e o nosso bebê.
Passado certo tempo, vamos lá de novo, mais um ultrassom, comentei com o médico ...será que dessa vez vamos saber o sexo..? e ele rindo falou ..depende da vontade dela.....

Dessa vez não foi a mesma médica das outras vezes. Esta era mais introvertida e parecia um pouco mais séria. Pois bem o exame começou e ela explicava tudo o que via e mais uma vez eu não entendia e não conseguia ver nada, ficava angustiado olhando para aquela tela e então com uma voz firme ela disse.

É uma Menina.