sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

Envelhecendo com saúde..

A receita para envelhecer com saúde está refletida nas escolhas feitas ao longo da vida. Isso significa que quanto mais cedo você adquirir bons hábitos, maiores as chances de uma qualidade de vida melhor na terceira idade. Confira cinco atitudes para envelhecer bem:
1. Praticar atividades físicas: não é só o benefício da estética  que os exercícios trazem. Segundo a OMS, as atividades ajudam a prevenir a osteoporose, problemas cardíacos e elevam os níveis de serotonina, uma substância que melhora o humor ajudando a prevenir a depressão.
2. Aumentar a ingestão de água: a água é o nutriente mais abundante no corpo. Ela desempenha papéis fundamentais no nosso organismo como: transportar nutrientes para as células, regular a temperatura corporal, atuar nos processos fisiológicos de digestão, absorção e secreção, proteger o organismo de infecções e ainda ajuda a eliminar toxinas. Por isso o ideal é consumir, no mínimo, dois litros de água diariamente – o que representa oito copos de água.
3. Exercitar o cérebro: todo mundo sabe que uma boa leitura promove relaxamento e ajuda a estimular o raciocínio, mas, além disso, ler livros ajuda a manter o cérebro sempre ativo, prevenindo a perda de memória. Palavras cruzadas e jogos de raciocínio também contribuem para a memória.
4. Dormir corretamente: dormir pouco pode envelhecer o cérebro, pois acelera a velocidade do declínio cognitivo, além de afetar o raciocínio. A privação do sono pode ainda atrapalhar a concentração durante as tarefas e atrapalhar o bom funcionamento do metabolismo, agravando, dessa forma o aumento do peso corporal. O indicado é descansar ao menos oito horas por noite.
5. Evitar o tabagismo e a ingestão demasiada de bebidas alcoólicas: o álcool existente nas bebidas alcoólicas diminui a quantidade de vitamina A no organismo, agravando o aparecimento de rugas e linhas de expressão. Já o cigarro reduz o fluxo sanguíneo afetando a oxigenação dos tecidos. Além disso, da mesma forma que o álcool e o tabagismo provocam danos nas células saudáveis do corpo, aumentam as chances de doenças como diabetes, hipertensão e problemas neurológicos como o Mal de Parkinson. Sendo assim, é bom deixar esses vícios de lado.

Consulte o seu médico regularmente.