sábado, 6 de fevereiro de 2016

Saber envelhecer...

Saber envelhecer é divino. Esta é uma etapa de grandes transformações na nossa vida, começamos a perceber os cabelos brancos, os desgastes físicos, limitações que antes não tínhamos, começamos a perder pessoas queridas entre outros fatores. Percebemos que alguma coisa mudou, que pensamos como jovens, mas nosso corpo não obedece mais da mesma forma, não acreditamos no que diz o espelho, começamos a perder espaço na sociedade e no trabalho para pessoas mais jovens...Por isso é tão difícil aceitar a chegada dessa fase da vida. Mas vamos encarar de frente, não adianta querer segurar o processo à força, isso não é possível.

O que podemos fazer sim é nos prepararmos para que essa transformação seja a mais tranquila possível, garantir nosso espaço. Hoje, temos informação, tecnologia e a experiência como nossas aliadas. Podemos ter sim um envelhecimento saudável basta começar tomando consciência de que essa fase chegou ou que vai chegar.
Tomando essa consciência, vamos então investir na saúde do corpo, adotar bons hábitos de vida preservar, ao máximo as funções do organismo incluindo exercícios físicos regulares, que promovem e melhoram a qualidade de vida. Dizem alguns especialistas que a partir dos 30 anos o corpo humano tende a perder 10% da massa muscular a cada década e a única forma de evitar isso é fazer uso constante dos músculos. 
Tão importante quanto preparar o corpo é preparar a mente. A participação em grupos é muito importante. Além de inserir-se em equipes da nossa faixa etária, encontrar com amigos de escola que não víamos há muito tempo, pessoas que vivem as mesmas dificuldades, que estão na mesma fase de vida que nós, vale fazer cursos, ler muito, engajar-se em atividades dos mais diversos tipos. O importante é não deixar a mente envelhecer.
A espiritualidade também pode fazer muita diferença na hora de encarar os cabelos brancos, ela começa a ficar mais presente em nossas vidas. É a hora de devolver para a sociedade tudo o que aprendemos e  acima de tudo, é preciso ter objetivos de vida. Nos dias de hoje as pessoas nessa fase da vida estão conseguindo mais espaço em todas as atividades, tanto no trabalho quanto no lazer. Sendo assim é possível envelhecer com dignidade e acima de tudo é possível continuar a ser feliz.